A Cela

1 11 2008

Bastava uma palavra sua e eu seria salvo, mas você não acreditou em mim.

Não aceitou minha inocência e não foi capaz de ser o meu álibi. Agora a escuridão de uma cela fria e úmida é a minha morada. Raramente a luz do sol banha o meu rosto e mesmo que o fizesse com freqüência, seria para iluminar as lágrimas que teimam em banhar minha face.

Quase nunca tenho com quem conversar, eles fingem que não me escutam!

Há muito desisti de gritar, de esmurrar as pareces e atirar as refeições nas grades da cela.

Muitas vezes me pego falando para as paredes que estou aqui de passagem, aqui não é o meu lugar! Jamais deveria ter sido! E, no entanto estou aqui, encolhido e com medo de mais injustiças. Eu não confio mais na justiça dos homens. Perdi a fé! Se existisse algo maior olhando por suas criaturas, acredito que esta força não permitiria a profundidade do sofrimento que estou vivendo no lugar de outra pessoa.

Se você me pedisse para estar aqui por você, eu suportaria tudo, lutaria e viveria cada dia esperando te reencontrar, se tivesse a certeza de que você acreditava em minhas palavras.

Mas desisti de contar o tempo, não sei mais em que ano estou e não preciso disso! De que adianta? Sei que muitos anos passarão, farei força para resistir a eles e a inerente loucura à qual um homem enjaulado se ajusta.

Também pensei em me entregar à morte, mas refleti profundamente e entendi que preciso vencer, pois quero te reencontrar só mais uma vez. Vivo para o dia em que olharei profundamente em seus olhos negros e vislumbrarei o remorso traduzido em uma única lágrima.

E neste dia abençoarei a cela que abrigou por incontáveis anos um inocente.

Anúncios

Acções

Information

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: